• Dados da Organização Mundial da Saúde mostram que as mulheres representam dois terços dos indivíduos cegos no mundo. E a saúde ocular das brasileiras é um reflexo das estatísticas globais. 

    Foi o que constatou uma pesquisa do Instituto Americano Healthy Sight. Foram entrevistados mais de mil brasileiros, homens e mulheres, com idade entre 18 e 59 anos, e conclui-se que, aqui, as mulheres têm olhos mais sensíveis em diversos aspectos. 

    O total de 57% das entrevistadas apresentou algum problema de visão, contra 37% do total de homens voluntários. Dos 57%, 30% são relativos a mulheres acima de 40 anos. Para os pesquisadores, alterações hormonais, especialmente após amenopausa, estão relacionadas ao quadros como a síndrome do olho seco, que se caracteriza pela rápida evaporação das lágrimas que umidificam a córnea.

    Outros aspectos apontado como causas do problema são as dietas rigorosas, o uso intenso e contínuo de lentes de contato e de maquiagem. 

    Outra descoberta curiosa relatada no estudo foi a de que 60% das mulheres sofrem de catarata, enquanto na ala masculina a incidência é de 40%. 

    Os pesquisadores recomendam um check-up ocular após os 40 anos de idade. Para eles, esta é uma medida eficaz para prevenir doenças mais graves e enxergar melhor. 



    Fonte: Minha vida