• Os gatilhos são a maior oleosidade da pele, a propagação de bactérias e dormir com maquiagem. Saiba como evitar.

    Dor e vermelhidão na pálpebra superior ou inferior acompanhada da formação de um pequeno nódulo que parece um espinha são os sintomas do hordéolo, popularmente conhecido como terçol. A doença pode aparecer em qualquer período do ano, mas é mais comum no verão. Isso porque, explica, o terçol é uma inflamação das glândulas de zeiss e moll que ficam na base dos cílios. É provocada pelo acúmulo de oleosidade da pele e proliferação de bactérias que aumentam no calor.

    Os principais grupos de risco são os adolescentes, quem têm acne, pessoas com blefarite - inflamação crônica das pálpebras - e mulheres que usam maquiagem de baixa qualidade, vencida ou não retiram completamente antes de dormir.

    "Quando a inflamação obstrui as glândulas sebáceas de Meibomius, localizada na base das pálpebras e responsáveis pela produção da camada lipídica da lágrima, forma o calázio. Ao contrário do terçol que pode desaparecer espontaneamente em 7 a 10 dias, o calázio pode necessitar de intervenção cirúrgica. Isso porque, a obstrução forma um granuloma que pode atrapalhar a visão de acordo com a quantidade  de secreção sebácea acumulada.

    Tratamento

    Ao primeiro sinal tanto de terçol como de calázio aplicar quatro vezes ao dia compressas mornas feitas com gaze e soro fisiológico durante quinze minutos. Caso não perceba melhora em dois dias é necessário consultar um oftalmologista para prescrição de antibiótico para terçol ou cirurgia do calázio.

    Durante a noite a produção da camada aquosa da lágrima é menor. Por isso, é necessário fazer uma higienização cuidadosa da região dos olhos antes de ir dormir e pela manhã, de preferência com xampu neutro.

    Prevenção

    As principais recomendações do médico para evitar doenças nas pálpebras são:

    - Lave as pálpebras e base dos cílios com xampu de PH neutro, como os infantis.

    - Retire toda a maquiagem dos olhos antes de dormir.

    - Evite maquiar a borda interna das pálpebras.

    - Descarte as maquiagens vencidas.

    - Não compartilhe maquiagem e outros cosméticos.

    - Faça um exame de refração em caso de recidivas de calázio.




    Fonte: http://www.portaldaoftalmologia.com.br/