• Causado pela bactétia Chlamydia Trachomatis, o tracoma é uma doença inflamatória ocular que possui incidência maior em crianças de até 10 anos. A condição geralmente é transmitida pelo contato direto com objetos e pessoas contaminadas.

    Olhos vermelhos, irritados e lacrimejantes, secreção, coceira e sensibilidade à luz são os principais sintomas do tracoma, que pode levar a lesões e cicatrizes na conjuntiva. Em casos extremos, a doença pode causar a perda da visão.

    O tracoma é uma condição endêmica em todo o território nacional e, em muitos casos, está associado a baixas condições de higiene. Por isso é importante seguir alguns cuidados:

       - Lavar sempre as mãos com água e sabão;
       - Incentivar as crianças a cuidar da higiene pessoal;
       - Beber somente água potável
       - Não deixar de passar em consultas oftalmológicas a cada seis meses até que a cura da doença seja definitiva;
       - Diagnóstico e tratamento

    O diagnóstico é feito através de exame clínico e testes laboratoriais. O tratamento é feito por meio de antibióticos e, em casos mais graves, pode ser necessária a realização de uma cirurgia.